quarta-feira, 14 de março de 2012

Hoje, você é " Chef por 1 dia"


“Beijos não perduram. A boa comida, SIM.”
                                                    George Meridith
 
 
Spaghetti à Bolonhesa
   
Bem, iremos dar continuidade à apresentação de boas receitas para o seu deleite.
Assim, Hoje, irei ensinar como preparar o  tradicional ESPAGUETE ou ESPARGUETE.
O nome é o “aportuguesamento” de SPAGHETTI que, em italiano, é o diminutivo de SPAGO, que significa “corda”.
Por muito tempo, discutiu-se sobre quem  havia sido inventado o “spaghetti”, isto é, se os chineses, árabes ou italianos.
Até recentemente, era aceita a tese de que tinha origem ÁRABE, na forma de SPAGHETTI seco, a chamada “ITTJIA” que entrou na Europa durante o domínio árabe na Sicília, Itália, no Século IX.
Essa massa foi sendo continuadamente elaborada desde à chegada na Trabia, próxima à cidade da Palermo (terra natal dos meus bisavós), na Sicília, Itália.   
Dessa forma, por muitos anos, a Sicília tornou-se o “berço” dessa iguaria até ser substituída pela cidade de Nápoles, sem maiores explicações, o que ocorreu no Século XVIII.
Assim, após breve síntese histórica, iremos à receita de como preparar o “spaghetti”, que é tipo de massa cilíndrica, compacta, longa e fina.
 
 
Ingredientes:
 
500g de spaghetti,  de ótima qualidade
450g de carne moída bovina,  magra 
1 cebola, cortada em “brunoise”
1/2 pimentão verde,  picado em “brunoise”
3 dentes de alho (amassados)
1/2 ramo de manjericão picado
1 kg de tomates italianos bem maduros,  sem peles e sem sementes
Parmesão ralado QB (quanto baste)
Azeite de Oliva extra-virgem QB (quanto baste)
Sal, a gosto
Pimenta do reino (moída na hora de usar)
 
Modo de preparar:
 
Numa panela ou frigideira alta, fritar  a cebola e o pimentão no azeite de oliva extra-virgem.
Depois, adicionar o alho. (reserve).
No mesmo vasilhame, fritar a carne moída, já temperada com sal e pimenta.
Acrescentar:  a cebola,  pimentão e o alho já fritos.
Misturar  bem.
Depois de a carne estar BEM  frita, colocar  os tomates e esperar até que  se desmanchem sozinhos, cozinhando o molho por, aproximadamente, 30 minutos.
Enquanto isso, colocar água e um fio de azeite de oliva extra-virgem  numa panela até  ferver.
Cozinhar a massa.
Ultrapassado o tempo de cozimento do molho, acrescentar as folhas de manjericão picadas.
Depois, misturar a massa escorrida ao molho.
Servir  com queijo parmesão ralado, colocado por cima.
 
 
Saboreie e constate que o “spaghetti” faz jus à fama MUNDIAL de excelência.
 
BOM APETITE !!
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário