domingo, 1 de abril de 2012

Hoje, você é "Chef por 1 dia"


“A pessoa pode nascer com o dom de COZINHAR. Mas,  tem de APRENDER a temperar e a assar”.
                                                Anthelme Brillar Savarin



BACALHAU À “GOMES DE SÁ”



Tradição milenar dos Cristãos na SEXTA-FEIRA SANTA: não comer CARNES.
Contudo, apesar do jejum, para quem faz, NADA DE PASSAR FOME.
Existem opções que, de tão saborosas, até induzem a comer mais do que nos dias normais.
Vou provar o que disse com as receitas que, HOJE,  uma delas,  irei indicar e ensinar a preparar:  o verdadeiro BACALHAU português da cidade do PORTO.
Alguns pratos tradicionais da culinária recebem o nome de seus criadores.
É o caso do bacalhau à “Gomes de Sá”, tradicional receita portuguesa da autoria do famoso cozinheiro José Luis Gomes de Sá, falecido em 1926, quando era o chef  do “Restaurante Lisbonense” que, curiosamente, funcionava  na cidade do Porto.
Foi nesse restaurante que GOMES DE SÁ lançou a sua famosa criação gastronômica que, de tão saborosa,  ganhou o mundo.
Em sua tradicional e original receita, Gomes de Sá ensinou que o BACALHAU deve ser cortado em pequenas lascas, marinadas no leite,  onde devem ficar   por mais de uma hora.
Deverá ser assado no forno, num recipiente contendo azeite de oliva extra-virgem, alho e cebola, acompanhando com azeitonas pretas, salsa e ovos cozidos.


Ingredientes:


600g de Bacalhau dessalgado, desfiado em lascas.
500g de batatas cozidas,  sem casca
1 + 1/2 xícara (chá) com azeite de oliva extra-virgem
1 dente de alho, ralado
2 cebolas
2 ovos cozidos
Azeitonas portuguesas pretas QB (quanto baste)
Salsa
5 xícaras (chá) com  leite
Sal e Pimenta do Reino, QB (quanto baste)


PREPARO:
Cozinhar as lascas de bacalhau em fogo brando, por 5 minutos, contudo, sem deixar ferver.
Tampar e abafar o recipiente,  deixando ficar assim por  20 minutos.
Depois, escorrer bem e colocar as lascas do bacalhau num recipiente fundo.
Cobrir com leite bem quente, deixando ficar  em infusão pelo tempo de 1,30h a 3 horas.
Cortar as cebolas em rodelas, pondo-as no azeite de oliva extra-virgem    até ficarem douradas.  
Acrescentar, também,  o dente de alho, ralado.
Em seguida, juntar o bacalhau com as batatas,  cortadas em rodelas (as batatas  devem estar sem a pele).
Mexer tudo, ligeiramente.
Temperar com sal e pimenta.
Feito isso e, imediatamente, deitar num refratário e levar ao forno bem quente durante 10 minutos.
Polvilhar com salsa picada.
Decorar com rodelas de ovo cozido e  azeitonas pretas.
 
Tenha certeza de que essa é a verdadeira receita portuguesa do saboroso BACALHAU à GOMES DE SÁ, tal como ensinada pelo seu CRIADOR. 
 
 
BOM APETITE !!!
MANDAREI OUTRA RECEITA ESPECIAL PARA A SEXTA-FEIRA SANTA.

Bacalhau gomes de sá


Nenhum comentário:

Postar um comentário